Principais descuidos que estragam os bebedouros de água

Beber água é uma simples tarefa, mas que possui uma grande importância para a nossa saúde. Entretanto, determinados descuidos podem deixá-la imprópria para o consumo ou podem até mesmo estragar os bebedouros.

Por isso, separamos neste artigo os principais descuidos que causam esses problemas para que você evite-os e mantenha o recipiente sempre em bom estado, oferecendo água de qualidade. Confira!

Limpeza

O primeiro fator a ser levado em consideração é a limpeza, pois muitas pessoas não a fazem da maneira certa ou nem ao menos limpam com frequência.

Sendo que cada recipiente precisa de um certo cuidado, por exemplo, em relação ao bebedouro de garrafão é importante limpar o suporte dos copos, as torneiras e os locais de apoio. E se o bebedouro for elétrico não esqueça de retirá-lo da tomada antes da higienização.

Mau uso

Outro descuido que pode estragar o bebedouro é o mau uso, ou seja, lavar objetos no bebedouro, encostar a boca na torneira e até deixar animais próximos que acabam encostando ou lambendo o reservatório de água.

Instalar o bebedouro onde há incidência de raios solares

Você sabia que as altas temperaturas podem facilitar o desenvolvimento de germes e bactérias? Por isso, instalar o bebedouro em um local que haja incidência de raios solares não é a melhor ideia.

Isso pode gerar problemas de saúde para quem ingerir a água e dependendo do tipo de galão pode até gerar um princípio de incêndio, por causa daquele efeito lupa com a incidência do raio solar no plástico.

Não dar atenção a odores e gostos estranhos

Outro aspecto que pode indicar algum problema com o bebedouro e com a água é aquele odor ou gosto diferente. Isso indica que pode estar havendo uma proliferação de bactérias, ou seja, contaminação.

Sendo assim, se a limpeza não for feita de maneira adequada, esses fatores desagradáveis podem surgir prejudicando todos que utilizam o bebedouro.

Não realizar a manutenção

Para que o bebedouro continue em boas condições de uso, é importante ficar atento, por exemplo, se não há algum vazamento, pois assim as chances de proliferação de bactérias e outros microorganismos são maiores, sem contar o desperdício de água.

Portanto, é de extrema importância realizar a manutenção do recipiente para ver qual é o problema ou se achar melhor, levar a algum lugar especializado que vai avaliar e oferecer a melhor solução.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *